Hackers iranianos alegam ter derrubado energia em Israel
Ransomware atinge empresa de logística no Brasil
USP, UFRJ e UFMG sob ataque de negação de serviço
Pane de rede retardou produção na Volkswagen
Site da Prefeitura de Suzano (SP) está fora do ar
DDoS atinge subdomínio da NASA

Assine nossa newsletter Premium e ganhe acesso ao grupo de WhatsApp In_Cyber.
Conheça também a versão Básica

Anonymous: resposta ao ataque de Paris

Share on linkedin
Share on twitter
Share on facebook

Anonymous: resposta ao ataque de ParisO grupo Anonymous publicou esta mensagem ontem, anunciando represálias contra todos os grupos ou pessoas que se opõem à liberdade de expressão.

“Mensagem aos inimigos da liberdade de expressão.

7 de janeiro de 2015,

A liberdade de expressão tem sofrido agressões desumanas. Os terroristas invadiram as instalações do jornal e friamente atiraram em vários designers e jornalistas e dois policiais. Os assassinos ainda estão foragidos. Revoltados e chocado, não podemos ficar no chão. É nosso dever reagir.

Em primeiro lugar, queremos expressar nossas condolências às famílias das vítimas deste ato covarde e desprezível. Somos todos afetados pelo desaparecimento de Cabu, Charb, Tignous e Wolinski, gigantes do desenho cujo talento marcou toda a história da imprensa e que morreram pela liberdade. Nós não nos esquecemos das outras vítimas mortas no ataque, que estavam no caminho desses assassinos e daqueles que ainda estão lutando para se manter vivos.

É claro que algumas pessoas não querem, em um mundo livre, este direito inviolável e sagrado para expressar de alguma forma suas opiniões. O Anonymous nunca vai deixar este direito ser violado pelo obscurantismo e misticismo. Combateremos sempre e em toda parte os inimigos da liberdade de expressão. A Charlie Hebdo, figura histórica do jornalismo satírico, foi agora o alvo.

O Anonymous deve lembrar a todos os cidadãos que a liberdade de imprensa é um princípio fundamental dos países democráticos. A liberdade de opinião, de expressão e de publicar artigos livre de qualquer ameaça é um direito “inalienável”. O Anonymous sempre lutou contra os profanadores desses direitos e nunca irá admitir que uma pessoa seja morta porque publicou um artigo, um desenho, uma opinião.

A liberdade de expressão e de opinião é uma coisa inegociável, e atacá-la é atacar a democracia.

Aguardem uma reação frontal e maciça de nós, porque a luta pela defesa dessas liberdades é a base do nosso movimento.”