Hackers iranianos alegam ter derrubado energia em Israel
Ransomware atinge empresa de logística no Brasil
USP, UFRJ e UFMG sob ataque de negação de serviço
Pane de rede retardou produção na Volkswagen
Site da Prefeitura de Suzano (SP) está fora do ar
DDoS atinge subdomínio da NASA

Assine nossa newsletter Premium e ganhe acesso ao grupo de WhatsApp In_Cyber.
Conheça também a versão Básica

Brasil lidera infecções de trojan bancário

Share on linkedin
Share on twitter
Share on facebook

f-secure-logoO Brasil é o líder  em infecções pelo Conficker, segundo o último relatório de ameaças da  empresa de segurança F-Secure. O Conficker, existente há seis anos, continua a liderar entre todas as ameaças de segurança no mundo, com 38% do total de infecções entre Janeiro e Junho de 2014. Mikko Hypponen Chief Research Officer da F-Secure, afirmou que o Conficker persiste em áreas onde continua a haver incidências elevadas de pirataria e sistemas legados volumosos.

Considerando o número de infecções do Conficker, o Brasil, por exemplo, é classificado como país No.1. Verificou-se que inúmeros computadores dentro de mais de 200 países estão infectados pelo Conficker. A longevidade do worm indica o quanto é importante manter o software atualizado em um computador. Hypponen acrescentou que qualquer pessoa usando versões piratas de software estão em risco. Além disso, o Conficker não está sozinho em contaminações antigas: há outras ameaças, como Trojan.LNK, que continua a representar perigo na Internet.