Hackers iranianos alegam ter derrubado energia em Israel
Ransomware atinge empresa de logística no Brasil
USP, UFRJ e UFMG sob ataque de negação de serviço
Pane de rede retardou produção na Volkswagen
Site da Prefeitura de Suzano (SP) está fora do ar
DDoS atinge subdomínio da NASA

Assine nossa newsletter Premium e ganhe acesso ao grupo de WhatsApp In_Cyber.
Conheça também a versão Básica

Ford faz Hackaton na Campus Party

Share on linkedin
Share on twitter
Share on facebook

 

Ford faz Hackaton na Campus Party
Hackaton de Sidney, 2014

A Ford irá promover o primeiro Hackathon (maratona de desenvolvimento de software) da indústria no Brasil, durante a oitava edição da Campus Party, que ocorre em São Paulo. O encontro para desenvolvedores de aplicativo almeja estimular a criação de aplicativos compatíveis com o SYNC AppLink e dará como prêmio um Novo Ka, que conquistou a crítica especializada e público geral com uma proposta inovadora e completa para o segmento de compactos.

Como em outros Hackathons ao redor do mundo, os participantes terão um prazo determinado para desenvolverem seus projetos. Serão 24 horas de intenso fluxo de dados e informações, com o objetivo de criar aplicativos que utilizem a plataforma SYNC AppLink como interface de acesso. A principal premissa da Ford é garantir conectividade aos motoristas sem comprometer a segurança dos ocupantes do veículo. O sistema SYNC AppLink permite o acesso aos aplicativos dos smartphones via comandos de voz, sem que o motorista precise retirar as mãos do volante e os olhos da pista.

 

Os participantes serão incentivados a desenvolver, individualmente ou em duplas, programas para as plataformas iOs e Android que tragam vantagens, conforto ou melhorias para os motoristas (desde que respeitadas as leis de trânsito e pré-requisitos de segurança). Esses aplicativos poderão ser testados, durante seu desenvolvimento, em uma bancada com emuladores da tecnologia AppLink, disponíveis no local do evento.

“Ser a primeira montadora a organizar um Hackathon no país demonstra o compromisso da Ford em incentivar o desenvolvimento de soluções para melhorar a vida dos condutores a bordo e atender seus anseios quanto à possibilidade de estarem conectados em seus veículos, sem deixar de lado a segurança. Este é um evento com o potencial de alterar a relação da indústria como um todo com a comunidade de desenvolvedores do país, de onde emergem as principais tendências tecnológicas que consumimos”, afirma Rogelio Golfarb, vice-presidente de Assuntos Corporativos da Ford para a América do Sul.

O Hackathon Ford começa ao meio-dia (12h) do dia 5 de fevereiro e vai até o meio-dia (12h) do dia 6 de fevereiro, dentro da Arena da Campus Party 8. As inscrições são gratuitas e podem ser realizadas de 14 a 23 de janeiro no site https://www.developer.ford.com/hackathon. A idade mínima para participação é de 18 anos.

Este é o terceiro ano consecutivo em que a Ford participa da Campus Party Brasil, a maior feira de tecnologia do País. A única marca do segmento automotivo presente no evento prepara ainda para a edição 2015 uma série de ativações inéditas.