Hackers iranianos alegam ter derrubado energia em Israel
Ransomware atinge empresa de logística no Brasil
USP, UFRJ e UFMG sob ataque de negação de serviço
Pane de rede retardou produção na Volkswagen
Site da Prefeitura de Suzano (SP) está fora do ar
DDoS atinge subdomínio da NASA

Assine nossa newsletter Premium e ganhe acesso ao grupo de WhatsApp In_Cyber.
Conheça também a versão Básica

Hacker brasileiro é condenado e vai para a cadeia nos EUA

Share on linkedin
Share on twitter
Share on facebook
hacker brasileiro vai para a cadeia nos eua

Um brasileiro identificado como Billy Ribeiro Anderson, citado também como Anderson Albuquerque em seu processo, foi condenado a ficar três meses na cadeia em Nova York por ter desfigurado sites de interesse do governo dos EUA. Utilizando o apelido de “Alfabeto Virtual”, Anderson foi identificado como o autor de aproximadamente 11 mil desfigurações de sites hospedados em vários países, principalmente EUA e Brasil. Seu advogado chegou a fazer um pedido para que ele não fosse preso mas o juiz resolveu prendê-lo para “enviar uma mensagem” a outros ‘hackers’.

As desfigurações que o mandaram para a cadeia foram duas: nos sites do Centro de Combate ao Terrorismo da Academia Militar do Exército em West Point, e na controladoria de finanças de Nova York. Anderson tem 42 anos e mora em Torrance, Califórnia. Depois dos ataques, ele andou contando seus feitos em um fórum de hackers. Mas quando derrubou o site do controller da cidade de Nova York por quase dois dias em 2015, deixando seu pseudônimo no site, e invadiu outro pertencente à academia militar West Point no ano seguinte, as autoridades decidiram pegá-lo.

Clique em ‘2’ para ler a continuação da reportagem