Hackers iranianos alegam ter derrubado energia em Israel
Ransomware atinge empresa de logística no Brasil
USP, UFRJ e UFMG sob ataque de negação de serviço
Pane de rede retardou produção na Volkswagen
Site da Prefeitura de Suzano (SP) está fora do ar
DDoS atinge subdomínio da NASA

Assine nossa newsletter Premium e ganhe acesso ao grupo de WhatsApp In_Cyber.
Conheça também a versão Básica

Linux Journal entra na lista de suspeitos da NSA

Share on linkedin
Share on twitter
Share on facebook

Linux Journal entra na lista de suspeitos da NSAO Linux Journal, um site da comunidade de usuários Linux, tem sido apontada como um “fórum extremista” pela Agência de Segurança Nacional dos Estados Unidos (NSA), e seus usuários também indicados como “extremistas” para efeitos do programa XKeyscore da agência – isso é o que se supõe pelo código fonte que vazou. O fonte que foi publicado nesta semana pela rádio pública alemã ARD também identifica pelo menos dois servidores no diretório Tor da Alemanha – um em Berlim e outro em Nuremberg – como sob vigilância da NSA.
Segundo as informações da ARD, o código-fonte indica que os servidores Tor alemães são apenas dois entre muitos que foram alvo da NSA para a vigilância, justamente em seu programa XKeyscore. O fonte menciona vários IP específicos do Diretório Autoridade Tor. O XKeyscore programa da NSA é uma ferramenta de coleta e análise de dados, e foi um dos denunciados nos documentos vazados por Edward Snowden, no ano passado.