Hackers iranianos alegam ter derrubado energia em Israel
Ransomware atinge empresa de logística no Brasil
USP, UFRJ e UFMG sob ataque de negação de serviço
Pane de rede retardou produção na Volkswagen
Site da Prefeitura de Suzano (SP) está fora do ar
DDoS atinge subdomínio da NASA

Assine nossa newsletter Premium e ganhe acesso ao grupo de WhatsApp In_Cyber.
Conheça também a versão Básica

NASA confirma invasão e roubo de dados

Share on linkedin
Share on twitter
Share on facebook

NASA confirma invasão e roubo de dadosA NASA confirmou ontem que houve uma invasão de seus sistemas, com o roubo de dados cadastrais dos seus funcionários. A confirmação apareceu num comunicado distribuído ontem a todos os funcionários do órgão, com o título “Comprometimento potencial de informações pessoalmente identificáveis (PII) dos servidores da NASA”. Segundo o comunicado, a área de segurança cibernética começou a investigar em 23 de Outubro a possibilidade de comprometimento dos servidores onde as informações eram armazenadas. A análise inicial indicou que as informações de um dos servidores contendo números da Previdência Social e outros dados de  funcionários (atuais e antigos) podem mesmo ter sido comprometidos.

[toggle title_open=”O que é a NASA” title_closed=”O que é a NASA” hide=”yes” border=”yes” style=”default” excerpt_length=”0″ read_more_text=”Clique e leia” read_less_text=”Fechar” include_excerpt_html=”no”]NASA é a Administração Nacional de Aeronáutica e Espaço, uma agência do governo federal dos Estados Unidos, responsável pelo programa espacial civil e pela pesquisa aeronáutica e aeroespacial. Foi fundada em 1958, sucedendo o Comitê Consultivo Nacional para Aeronáutica (NACA). A agência deveria ter uma orientação civil, encorajando aplicações pacíficas da ciência espacial. Desde a sua criação, liderou a maioria dos esforços de exploração espacial dos EUA, incluindo as missões de pouso da Apollo, a estação espacial Skylab e, mais tarde, o Ônibus Espacial.[/toggle]

Diz ainda o comunicado que após a descoberta do incidenteforam tomadas medidas para proteger os servidores e os dados: “A NASA e seus parceiros federais de segurança cibernética continuam examinando os servidores para determinar o escopo da possível extração de dados e identificar os indivíduos potencialmente afetados. Esse processo levará tempo. A investigação em andamento é uma das principais prioridades da agência, com a liderança sênior ativamente envolvida. A NASA não acredita que quaisquer missões da Agência tenham sido comprometidas pelos incidentes cibernéticos”.

A investigação concluiu que foram afetados funcionários do Serviço Civil da NASA admitidos, demitidos ou transferidos entre de julho de 2006 a outubro de 2018: “Uma vez identificados, a NASA fornecerá informações específicas de acompanhamento aos funcionários cujas PII foram afetadas, para incluir a oferta de serviços de proteção de identidade e recursos relacionados, conforme apropriado”.