Hackers iranianos alegam ter derrubado energia em Israel
Ransomware atinge empresa de logística no Brasil
USP, UFRJ e UFMG sob ataque de negação de serviço
Pane de rede retardou produção na Volkswagen
Site da Prefeitura de Suzano (SP) está fora do ar
DDoS atinge subdomínio da NASA

Assine nossa newsletter Premium e ganhe acesso ao grupo de WhatsApp In_Cyber.
Conheça também a versão Básica

Pornografia japonesa contaminada com malware

Share on linkedin
Share on twitter
Share on facebook

jp-siteQuem visitar alguns dos mais populares sites pornográficos do Japão poderá ser vítima de contaminação com malwares que roubam informações pessoais e bancárias. A descoberta foi feita pela empresa de segurança Eset, segundo a qual os criminosos por trás do malware, chamado Aibatook, já comprometeram uma série de sites pornográficos japoneses. Quando as pessoas os visitam usando PCs com Windows, os sistemas podem ser infectados. Ao acessarem os sites comprometidos, os usuários podem ser redirecionados para uma página que tenta explorar uma vulnerabilidade Java – que tem ptch publicado em junho de 2013, mas que muitos usuários ainda não aplicaram. Se um computador vulnerável é identificado, uma página de erro 404 é exibida para esconder o fato de que o PC está silenciosamente executando um applet Java malicioso. A Eset diz que identificou quatro sites pornográficos japoneses comprometidos: sokuhabo.net, www.uravidata.com, ppv.xxxurabi.com e mywife.cc, mas acredita que os outros também estão em risco.